Beyond Achondroplasia

Crescer com a Clara

Gratidão e reconhecimento

| 0 comments

Este é o primeiro artigo de Beyond Achondroplasia em Português!

Em setembro de 2011, quando Clara tinha 1 ano de idade, ela entrou para o bercário do Colégio Fundação Alentejo.

Esses dias foram um enorme teste quer para nós e quer para as profissionais do colégio. Questionamos se nós e as profissionais estavam preparados para o desafio. Naquela fase, a Clara ainda estava sob ventilação por pressão positiva contínua, CPAP, e tinham passado apenas três meses após a cirurgia de descompressão cervico-medular.

Sentíamos medo e angústia. Mas, como pais sabíamos que essa passo tinha de ser dado. E, para nós, era fundamental ter o pleno compromisso dos profissional do colégio.

A primeira abordagem foi uma reunião de duas horas com a diretora do Colégio, Sofia Ramos (a segurar o capacete azul da Clara) na qual expusemos todos os problemas e particularidades de saúde da Clara. A diretora garantiu com plena confiança que os cuidados com a Clara seriam os melhor. E assim o fizeram. De forma muito profissional e com um envolvimento emocional natural.

Nós todos crescemos com este passo e vimos a Clara a ir com alegria para o colégio todos os dias e voltar feliz. O melhor de tudo, foi a ternura e carinho de todos com a Clara e trabalho feito para o pleno crescimento dela quer em habilidades cognitivas, sociais e motoras.

Neste jardim de infância encontramos uma nova família. Logo nos primeiros tempos da Clara no colégio, que conseguimos desligarmo-nos do nosso desafio emocional deste passo e desmistificar os nossos sentimentos da Clara ser “exposta ao mundo exterior”. Tudo se tornou simplemente e apenas natural.

Muito Obrigado a todas!!!

CFA grupo 1 BA

Da esquerda para a direita: Rute, Núria (cima), Ana, Sofia (directora), Clara, Maria João (excelente educadora da Clara), Mafalda (cima), Alexandra e Catarina

 

1274306_467839163314900_1412978533_o

Ana Rodrigues, a primeira educadora, do bercário, quem educou a Clara com uma enorme emoção e um carinho imenso.

 

Deixe uma resposta

Required fields are marked *.


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Translate »